sábado, 22 de abril de 2017

2 Detidos por Roubo a Residência

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão de Investigação Criminal, no dia 19 de abril, pelas 14h15, na freguesia de Campolide, em Lisboa, procedeu à detenção, em flagrante delito, de dois homens, com idades compreendidas entre os 32 e 37 anos, por serem suspeitos do crime de Roubo.

Os suspeitos, depois de terem previamente estabelecido contacto de confiança com a vítima, inseriram-se na sua residência amarrando-o com cordas, infligindo-lhe lesões físicas em várias zonas do corpo.

Após retirarem vários objetos da vítima, que foram posteriormente encontrados na sua esfera de posse, a destacar um telemóvel e um relógio de enorme valor, instaram a vítima a ceder-lhes uma maquia avultada.

A PSP recebeu a notícia de que provinham gritos da residência em causa, deslocaram-se de imediato elementos policiais ao local, que puseram cobro à ação dos suspeitos, vindo a imobilizá-los no interior da habitação, onde veio a ser encontrada a vítima.

Os detidos foram presentes na Instância Central, 1ª Secção de Instrução Criminal do Tribunal da Comarca de Lisboa para 1.º Interrogatório Judicial tendo-lhes sido aplicada a medida de coação mais gravosa de Prisão Preventiva.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

SIC Medidas de Segurança SCP vs SLB

Um Agradecimento especial - 3 Carteiristas detidos na Baixa de Lisboa

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da 1ª Divisão Policial, no dia 18 de abril, pelas 11h00, na freguesia de Santa Maria Maior, procedeu à detenção, em flagrante delito, de uma mulher e dois homens, com idades compreendidas entre os 21 e 37 anos, pelo crime de furto por carteirista.

Os Polícias, trajando à civil, ao passarem no local, reconheceram os suspeitos que tentavam passar despercebidos entre turistas estrangeiros.

Um dos suspeitos furtou do bolso traseiro das calças de um turista, um telemóvel, no valor de 600 euros, enquanto os outros dois vigiavam e tentavam dissimular o ilícito.

Os detidos foram presentes na Instância Central, 1.ª Secção de Instrução Criminal do Tribunal da Comarca de Lisboa, para 1.º interrogatório judicial, tendo-lhes sido decretada a suspensão provisória do processo.

O turista, vítima de furto por carteirista, enviou o seguinte agradecimento à PSP:

“I wanted to make sure I thanked you, and more specifically, your team for their effort spirit and generosity, yesterday. The manner in which they caught the pick-pocket criminals was a vision of efficiency which I will long remember. The items they recovered may be less significant to me than the memory they provided as to how to treat a foreign tourist who has been the victim of a crime. I very much hope that the United States treats their tourists as well as your team treated my wife and I. Your team was able to turn a tourist nightmare into a reasonably pleasant experience. That is no small accomplishment. I will forever be grateful to your team and will tell all I know that the Portuguese police are a powerful force with the strongest sense of how to do things right and fairly. I am sure I am not the first to tell you these things as their competence, spirit and trustworthiness was obvious during and after the entire affair.”

“Quero agradecer, especialmente à sua equipa, pelo esforço e generosidade no dia de ontem. Vou recordar durante muito tempo a forma eficiente como apanharam os carteiristas. Os bens recuperados são menos significantes para mim do que a memória que recordarei sobre a forma como tratam um turista estrangeiro que tenha sido vítima de um crime. Tenho a esperança de que os Estados Unidos possam tratar os seus turistas assim como a vossa equipa tratou de mim e da minha esposa. A sua equipa foi capaz de transformar um pesadelo, para nós turistas, numa experiência razoavelmente agradável. Serei eternamente grato à sua equipa e direi a todos que a Polícia portuguesa é uma força poderosa com forte sentido de fazer as coisas de forma correta e justa. Estou certo de que não sou o primeiro a dizer-lhe estas coisas sobre a competência e o espírito de confiabilidade que foi óbvio durante e depois de todo o caso. "

SPORTING CP vs SL BENFICA

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP informa que no dia 22 de abril de 2017, pelas 20h30, no Complexo Desportivo Alvalade XXI, irá realizar-se um jogo de futebol entre as equipas do Sporting Clube de Portugal e o Sport Lisboa e Benfica a contar para a 30.ª Jornada da Liga NOS.

A hora oficial de abertura das portas do estádio ao público está prevista para as 18h30, no entanto, a PSP incidirá ainda no período da manhã, sobre a fiscalização do estacionamento, garantindo a necessária fluidez da circulação automóvel, prevendo-se restrições pontuais ao trânsito automóvel e pedonal, somente em situações entendidas como medida de segurança necessária.

De acordo com a legislação nacional em vigor, este é considerado um evento de “risco elevado”, prevendo-se uma lotação de cerca de 49.000 pessoas.

Haverá fiscalização do estacionamento irregular, procurando a fluidez possível na circulação automóvel, não havendo restrições ao trânsito, a não ser em situações pontuais de deslocação de equipas e Grupos Organizados de Adeptos, especialmente aqueles que sejam considerados de risco.

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP destacou, para este encontro, um dispositivo policial entendido como adequado às circunstâncias, onde se incluem diversas valências da PSP, tais como: efetivos da Divisão Policial da área, Divisão de Trânsito, Unidade Metropolitana de Informações Desportivas, Equipas de Intervenção Rápida, Equipas de Prevenção e Reação Imediata e conta com o reforço da Unidade Especial de Polícia.

Com este dispositivo, a principal missão da PSP é garantir a segurança de pessoas e bens, quer no interior, quer no exterior e imediações do complexo desportivo, prevenindo furtos a pessoas, de e em automóveis, roubos, venda ilegal de bilhetes e quaisquer alterações da ordem pública, principalmente no que diz respeito a rivalidades entre Grupos Organizados de Adeptos e adeptos das equipas. 

A PSP relembra que, segundo a legislação em vigor é crime, nomeadamente:

  • A distribuição e venda de títulos de ingresso falsos ou irregulares;
  • A prática de dano qualificado em transporte público, instalação ou equipamento utilizado pelo público;
  • Participação em rixa na deslocação para ou do espetáculo desportivo;
  • A entrada não autorizada de qualquer pessoa na área de competição (relvado);
  • Ofensas à integridade física atuando em grupo.
A PSP aconselha:
  • Todos os adeptos a deslocarem-se para o Estádio em transportes públicos, evitando trazer as suas viaturas para as imediações do Estádio;
  • Todos os adeptos a chegarem com antecedência, contando com as filas e com os procedimentos de segurança, e
  • No caso de serem utilizadas viaturas próprias, ao estacionamento em parques vigiados e destinados para o efeito;
  • Evitar portar malas e mochilas para o interior do recinto desportivo.

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP conta com a colaboração do público, no sentido do mesmo mediar conflitos e comunicar à Polícia as ocorrências anormais que possam pôr em causa o sucesso do evento, através do número 21 7654242 (21polícia) ou 112, em caso de emergência.

255 Detidos

O Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública, na sua área de responsabilidade, continuando os objetivos de prevenção e dissuasão da criminalidade e de ilícitos em geral, no período compreendido entre as 07h00 do dia 14 e as 07h00 do dia 21 de abril, realizou 185 operações policiais e procedeu à detenção de 255 cidadãos por diversos crimes:

  • 44 Por Condução sob o efeito de álcool;
  • 41 Por Tráfico de Estupefaciente;
  • 37 Por Condução sem habilitação legal;
  • 21 Por Furto;
  • 12 Por Posse ilegal de arma;
  • 08 Por Desobediência;
  • 07 Por Resistência e Coação sobre Funcionário;
  • 06 Por Roubo;
  • 06 Imigração ilegal;
  • 05 Por Furto por carteirista;
  • 52 Por Mandado de Detenção, e
  • 16 Por Outros Crimes.

Da atividade operacional, foi possível apreender o seguinte material:

  • 36 Armas:
    • 24 Armas brancas;
    • 04 Espingardas;
    • 04 Bastões;
    • 02 Armas de 6.35 mm;
    • 01 Armas de 7.65 mm, e
    • 01 Revólver.
  • 956 Munições.

Estupefaciente:

  • 1.907,10 Doses de produto estupefaciente suspeito de ser Haxixe;
  • 1.241,70 Doses de produto estupefaciente suspeito de ser Cocaína;
  • 67,90 Doses de produto estupefaciente suspeito de ser Heroína, e
  • 03 Unidades de produto estupefaciente suspeito de ser Ecstasy.

Sinistralidade Rodoviária:

  • Total de Acidentes: 296;
  • N.º de Mortos: 01;
  • N.º de Feridos Graves: 00;
  • N.º de Feridos Leves: 108.


“SEASIDE ESTAFETA CASCAIS-OEIRAS-LISBOA – 78.ª edição – 23ABR2017”

Em 23 de Abril de 2017 (Domingo), está previsto a realização da “SEASIDE Estafeta Cascais-Oeiras-Lisboa”.

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão Policial de Cascais, Divisão Policial de Oeiras e Divisão de Trânsito de Lisboa, diretamente empenhadas neste policiamento, adotarão pontualmente as medidas de segurança julgadas convenientes de modo a garantir a segurança e assegurar a circulação de pessoas e bens.

Condicionamentos e itinerário

O evento é composto por 2 provas, com Partida junto ao Casino Estoril com o seguinte itinerário:

Estoril – Cascais – Parede – Santo Amaro de Oeiras – Cruz Quebrada – Algés – Av. da India
  • 06h00 - 14h00 – interdição da circulação no arruamento junto ao CCB, paralelo à Av. da Índia, onde estará colocada a META;
  •  
  • 09h15 – Interdição do trânsito na Avenida Marginal (sentido de circulação Cascais - Algés), com reabertura ao Trânsito após a passagem dos atletas;
  •  
  • 09h45 - 12h30 - Interdição do trânsito na Avenida da Índia, entre a Praça Afonso de Albuquerque e Algés.

 A PSP Aconselha os cidadãos, a adotar as medidas consideradas por si convenientes, a fim de minimizar constrangimentos causados pelos necessários e inerentes condicionamentos ao trânsito.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Detidos por Roubos

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão de Investigação Criminal, no dia 19 de abril, pelas 03h15, na freguesia da Misericórdia, procedeu à detenção, em flagrante delito, de três homens, de 20 anos de idade, por serem suspeitos da prática do crime de roubo qualificado.

Após conhecimento de ter ocorrido um roubo sob ameaça de arma branca a um turista, os polícias de imediato se deslocaram para as imediações, onde vieram a intercetar os assaltantes ainda na posse da quantia monetária subtraída à vítima.

Os detidos, com antecedentes criminais relacionados com ilícitos da mesma natureza, foram presentes na Instância Central, 1.ª Secção de Instrução Criminal do Tribunal da Comarca de Lisboa, para 1.º interrogatório judicial, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação de Apresentações Bissemanais e Apresentações Mensais no SEF a um dos arguidos, Apresentações Bissemanais a outro e Apresentações Diárias a outro, o qual também está proibido de permanecer entre as 18H e as 10H do dia seguinte no Bairro Alto, Cais do Sodré, Alcântara e Belém.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Duas Carteiristas detidas


O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da 4ª Divisão Policial, no dia 18 de Abril, pelas 12h50, na freguesia da Misericórdia, em Lisboa, procedeu à detenção, em flagrante delito, de duas mulheres, com 19 e 26 anos de idade, pela prática do crime de furto qualificado.

No âmbito da Operação Policial – Páscoa em Segurança, esta ação de prevenção visou a deteção e a monitorização de grupos organizados que se dedicam ao furto por carteirista.
Assim, os polícias verificaram um grupo de duas mulheres, que articuladas entre si, abriram a mochila de um turista (de nada se apercebeu até se desenrolar a ação policial), retirando-lhe a carteira do interior. Enquanto uma efetivamente retirou a carteira após abrir a mochila, a segunda dava cobertura à ação ilícita em curso empurrando a vítima. 

A carteira, seus valores monetários, bem como outros documentos foram avaliados em 105 Euros, sendo possível apreender e recuperar todos os bens furtados. 

As detidas compareceram hoje, na Instância Local, Secção de Pequena Criminalidade de Lisboa onde foram submetidas a 1.º Interrogatório Judicial, tendo sido marcado audiência de julgamento para o dia 05 de maio de 2017.